domingo, setembro 21, 2008

Sobre o Bradley Effect e outros parecidos, se é que eles (ainda) existem.

1. Uma das mais importantes contribuições originais sobre o tema: Race of Interviewer Effects in a Pre-Election Poll, de Steven Finkel e outros.

2. Sinais recentes de mudança: White Voters and African American Candidates for Congress, de Benjamin Highton.

3. Coisas muito recentes:

- Daniel J. Hopkins, No More Wilder Effect, Never a Whitman Effect: When and Why Polls Mislead about Black and Female Candidates;

- The Persistent Myth of the Bradley Effect, no FiveThirtyEight de Nate Silver;

E de forma mais geral, sobre a questão racial nas eleições americanas: The Centrality of Race in American Politics, de Vincent L. Hutchings e Nicholas A. Valentino­.

Voltarei a tudo isto em breve.

P.S.- Mal sabia eu, ontem Domingo 21, que este ia ser o grande tema de debate hoje, dia 22. Mera coincidência:

- Poll shows gap between blacks and whites over racial discrimination;
- Race in the Race, por Larry Bartels, um dos mais importantes cientistas políticos americanos;
- Morning Buzz: Will Race Cost Obama?

Mas por favor não confundir as notícias de hoje com o "Bradley effect". Este tem a ver com a propensão para não revelar um sentido de voto contra um candidato negro numa sondagem (e há quem fale num reverse-Bradley effect junto dos eleitores negros), e não com a propensão para não votar num candidato negro pelo mero facto de ele ser negro. São duas coisas diferentes.
Enviar um comentário