sexta-feira, setembro 16, 2005

Alemanha: últimas sondagens

Estas deverão ser as últimas sondagens publicadas na Alemanha, onde não existe uma tradição de publicar sondagens nos últimos dias da campanha (porquê? Não sei, tenho de investigar):



Chegámos aqui através de um caminho tortuoso: em Junho e Julho, lento declínio da intenção de voto CDU/CSU, e subida da Linke. Em Agosto e Setembro, estabilização CDU/CSU e subida SPD, aparentemente à custa da Linke:















O mesmo fenómeno é visível quando nos concentramos nas tendências individuais verificadas para CDU/CSU e SPD por cada instituto em Agosto e Setembro:















Por saber: quase tudo.

1. O que irão fazer os 20%-30% (depende das sondagens) daqueles que se dizem "indecisos"?
2. Terão CDU/CSU + FDP os 49% que, em média, as sondagens lhes atribuem, e chegará isso para uma maioria absoluta?
3. Qual a ordem relativa FDP, Linke e Verdes?

As sondagens alemãs têm uma magnífica reputação, coisa facilitada por um sistema de voto proporcional (o "misto" para aqui não interessa, dado que estas percentagens se reportam apenas ao voto em lista). No entanto, resta saber como irão os eleitores lidar com dois estímulos contraditórios: o forte repúdio da actuação do actual governo e a má imagem de Merkel em comparação com Schröder. Domingo se verá.
Enviar um comentário